Casos de dengue aumentam e prefeitura intensifica combate ao Aedes Aegipty PDF Imprimir E-mail
Escrito por Administrator   
19 de maio de 2015
JANAÚBA (por Oliveira Júnior) – A prefeitura de Janaúba, através da sua Secretaria Municipal de Saúde, com o objetivo de intensificar o combate ao mosquito Aedes Aegypti, vetor transmissor da dengue e da febre Chikungunya, iniciou, na semana passada, a aplicação do inseticida por meio do carro fumacê, nos bairros com maiores incidências da doença infecciosa registrada na cidade. Depois o trabalho foi extendido para toda a cidade. De acordo com o supervisor técnico do setor de Endemias da Secretaria de Saúde, William Barroso, a orientação é que os moradores abram todas as portas e janelas, para que o inseticida possa circular dentro das casas e eliminar o maior número possível de larvas dos mosquitos.
 
O secretário de Saúde, Gilson Urbano destaca que é importante dar continuidade ao trabalho de eliminação do mosquito. “O cuidado para com o vírus da dengue deve ser contínuo”, diz o secretário.
O prefeito de Janaúba, Yuji Yamada ressalta a importância do carro fumacê para o combate à dengue, e mais recentemente, a chikungunya. “É uma estratégia essencial que visa diminuir cada vez mais o número de casos, e precisa da colaboração de todos para que dê resultados práticos”, explica.
 
Para se ter uma ideia, apenas nos quatro primeiros meses deste ano os casos de dengue em Janaúba foram cinco vezes maiores em relação aos 12 meses do ano passado. De janeiro a abril de 2015 foram notificados 254 casos de dengue em Janaúba, na região da Serra Geral de Minas, bem acima dos 58 casos notificados de 2014. Em 2013 ocorreram 2.068 notificações de dengue em Janaúba, onde os casos de dengue notificados pularam de 106 em 2011 para 319 casos em 2012.
 
Com relação aos casos de dengue confirmados, o número neste ano é dez vezes maior, numa comparação ao ano de 2014. Entre janeiro e abril de 2015 foi constatada a confirmação de 54 casos de dengue em Janaúba contra apenas 5 casos confirmados no ano passado. Já em 2013 o índice foi alarmante chegando a 557 casos confirmados, enquanto que em 2012 foram 79 e em 2011 ocorreram a confirmação de 8 casos de dengue neste município.
 
BAIRROS -- Os bairros Boa Vista e São Lucas, na região noroeste de Janaúba, são onde há mais casos de dengue neste ano. A situação também se agrava em bairros nessa região, por exemplo, Dente Grande, Cerâmica e Veredas. Por outro lado, os bairros Saudade, Barbosa, São Gonçalo, Algodões registraram menos casos de dengue entre janeiro e abril deste ano.
 
De acordo com levantamentos da Secretaria Municipal de Saúde, o campeão de casos de dengue neste ano é o bairro Boa Vista onde tem sido constatado 78 casos de dengue. Em seguida aparece o bairro São Lucas com 30 casos; Dente Grande com 27 casos e Cerâmica com 18 casos de dengue.
Nos quatro primeiros meses deste ano foram registrados 12 casos de dengue no bairro Santo Antônio; 9 no bairro Nova Esperança e 8 no Veredas. Nos bairros Izaías Pereira, Esplanada e Santa Cruz ocorreram 7 casos de dengue. No centro e no bairro Planalto foram 6 casos.
 
Conforme o relatório da Secretaria de Saúde deste município, há, até abril deste ano, 5 casos de dengue no bairro Gameleira; 4 no residencial Clarita (bairro Boa Vista), na comunidade de Caraíbas e no distrito de Vila Nova dos Poções. No bairro Ribeirão do Ouro e no Conjunto Habitacional (Cohab) José Manoel da Silva, conhecido como Casas Populares, foram registrados três casos da doença.
Nos bairros Santa Terezinha, Rio Novo, Padre Eustáquio e Novo Paraíso foram notificados 2 casos de dengue, mesma quantidade apontada para o residencial Dona Lindu (bairro Algodões). Nos bairros Algodões, Saudade, Barbosa, São Gonçalo, no residencial Jardim Imperial e na comunidade de Lagoa Grande há o registro de uma notificação de dengue.
 
90% DOS FOCOS DENTRO DAS CASAS -- A Vigilância ambiental e controle de endemias realiza ações com o intuito de reduzir o índice de infestação do Aedes aegypti, transmissor da dengue e da febre chikungunya, segundo os levantamentos (LIRAa – mês de março 2015) foram identificados que 90% dos focos predominantes estavam dentro das residências, com 1,9 % de índice de infestação do Aedes aegypti, isso enquadra o município no risco médio de infestação. Neste ano já foram 254 casos notificados com 54 notificações confirmadas, o que vem a classificar Janaúba como uma cidade com alto risco de transmissão da dengue.
 
AÇÕES DE COMBATE -- Além das visitas domiciliares que os agentes de controle de endemias realizam normalmente (6 vezes ao ano); quando há um caso notificado com dengue, são realizados 2 bloqueios, com ações em 2 frentes de trabalho.
 
Bloqueio Mecânico: Consiste em um tratamento e uma pesquisa vetorial (TPVE), para eliminar os focos existentes e evitar possíveis novos focos, esse trabalho é realizado no quarteirão que estiver uma pessoa notificada com dengue e nos quarteirões das suas laterais, para evitar que os mosquitos que estejam em sua fase lavraria nasçam e venham a transmitir a doença (foram realizados 54 Bloqueio Mecânico - TPVE).
 
Bloqueio Químico: (UBV COSTAL) é realizado com o intuito de eliminar os mosquitos adultos que estiverem sobrevoando as proximidades da residência onde a pessoa doente reside, impedindo a transmissão da doença, utiliza – se inseticida. É realizado com a finalidade de se fazer um bloqueio do vetor, para o mesmo não migrar para outros quarteirões, evitando assim que a doença se espalhe. (Foram realizados 32 bloqueios Químicos).
 
As visitas domiciliares estão sendo realizadas normalmente pelos agentes em toda a cidade, com 1050 visitas diárias em residências, terrenos baldios, comércios, igrejas e outros estabelecimentos eliminando e evitando possíveis focos do Aedes aegypti. (Fonte: Secretaria Municipal de Saúde)
 
São João Gorutubano acontece em julho PDF Imprimir E-mail
Escrito por Administrator   
26 de abril de 2015

JANAÚBA (por Oliveira Júnior) – O coordenador de Cultura do município de Janaúba, Ilidiano Braz, anunciou, esta semana, que o São João Gorutubano deste ano será nos dias 3, 4 e 5 de julho na praça Dr. Maurício Azevedo (praça da Matriz).

Apontado como uma das maiores festas juninas de destaque da região da Serra Geral de Minas, o São João Gorutuba poderá contar com shows das bandas Bonde do Forró, Camisa Suada e Cacau com Rapadura, e também com artistas regionais e apresentação do grupo de danças folclóricas Banzé, de Montes Claros.

 
Prefeitura doa terreno para construção do Hospital do Câncer em Janaúba PDF Imprimir E-mail
Escrito por Fernando Lucas   
26 de abril de 2015

JANAÚBA -- A prefeitura de Janaúba e a Santa Casa de Montes Claros realizaram na manhã desta quinta-feira, dia 23 de abril, na sede da Administração Municipal, solenidade para assinatura de Termo de Doação de Terreno doado pelo próprio município, destinado à construção de um Hospital da Santa Casa.

O referido terreno, localizado no Parque Industrial Clarita, tem área de 15.060.70 metros e será utilizado para a instalação de uma unidade de tratamento do câncer em Janaúba, visando atender à demanda crescente por atendimentos oncológicos na região. Dessa maneira, a Santa Casa de Montes Claros ficará responsável por equipar o hospital e o município ficará por conta da estrutura física da instituição.

Com esse passo, abre-se uma nova perspectiva para a descentralização de serviços especializados no combate ao câncer. Para tanto, a Santa Casa buscará parcerias, públicas e privadas, no sentido de atrair recursos com o objetivo de concretizar esta expectativa em um projeto viável e real no menor tempo possível.

Estiveram presentes na solenidade de assinatura, o prefeito  de Janaúba, Yuji Yamada; o superintendente da Santa Casa, Maurício Sérgio Sousa e Silva; o diretor de Negócios, Hugo Soares, empresários do Parque Industrial Clarita, Celso Andrade e Carlos Dinis e representantes da Administração Municipal.

ATUAÇÃO -- A Santa Casa de Montes Claros, preocupada com o aumento da incidência de câncer no Brasil, considerada uma epidemia, cujas estimativas do INCA – Instituto Nacional do Câncer apontam para 500 mil novos casos no ano de 2015, será responsável pelo empreendimento em parceria com a Administração Municipal de Janaúba.

A Santa Casa de Montes Claros, em seu trabalho e atuação para preservar vidas, consolida-se no Norte de Minas, Vale do Jequitinhonha e Sul da Bahia como a principal referência em tratamento do câncer, e oferece assistência humanizada a pacientes em tratamento e familiares, com alto nível profissional e recursos tecnológicos na prevenção e tratamento da doença, que, a cada dia, afeta a vida e interfere no cotidiano de mais pessoas. No ano de 2014, a Santa Casa realizou cerca de 6 mil consultas oncológicas, mais de 12 mil sessões de quimioterapia, incluindo SUS e convênios, além de 52 mil procedimentos de radioterapia.

De acordo com o Superintendente da Santa Casa, Maurício Sérgio Sousa e Silva, o maior hospital do Norte de Minas, referência em atendimentos de alta complexidade na região, tem despertado o interesse de outros municípios, no sentido de firmar parcerias para atuação em prol da saúde regional.

“Essa parceria com a prefeitura de Janaúba, visando instalar uma unidade de tratamento do câncer, doença responsável pelo maior número de mortes na atualidade, vai ampliar os horizontes da Santa Casa a nível regional, possibilitando unir esforços e concretizar esse empreendimento, que visa ampliar a capacidade de atendimento aos pacientes oncológicos, praticando a prevenção, favorecendo o diagnóstico precoce, o sucesso do tratamento e a cura do câncer. Para isso, vamos aliar nosso conhecimento e a nossa experiência de gestão para salvar mais pessoas e contribuir com a melhoria da qualidade de vida da nossa população”, conclui.

INÍCIO DAS OBRAS -- Para o superintendente Maurício Sérgio, à partir de agora, com a consolidação da doação, a Santa a Casa irá se empenhar em conseguir o apoio de parlamentares votados na região, em busca de recursos de emendas parlamentares que viabilizem a construção do hospital. Ele salienta que a sociedade janaubense também deve se atentar para esta necessidade de ajudar a construir um cenário propício para a construção, o quanto antes do referido hospital. Ele acredita que já no início do próximo ano as obras devam começar.

 
Terror dos políticos nas redes sociais dá entrevista ao JORNAL DA SERRA GERAL PDF Imprimir E-mail
Escrito por Fernando Lucas   
04 de abril de 2015
JANAÚBA (Por Fernando Lucas) -- Muita gente, principalmente os que se enveredam pelas redes sociais em Janaúba e região da Serra Geral de Minas se perguntam e até nos questionam sobre o que leva uma pessoa a fazer tantas denúncias. Qual seria sua motivação e seu interesse, se é que tem, por detrás disso. Diante de tantos questionamentos e visando aguçar a curiosidade das pessoas, o JORNAL DA SERRA GERAL, com a sua costumeira exclusividade e arrôjo, foi a campo e entrevistou ele. O cara do Facebook que denuncia tudo e todos que, no seu entender, estariam agindo errado no setor público.
 
HUDSON ROBERTO DE ANDRADE, que responde pelo apelido de Hud Jeová Tsidkenú, nas redes sociais. Natural de Belo Horizonte, ele é caso e pai de um filho. Está no curso de Bacharelado em Direito e e tecnólogo em negócios jurídicos e notariais. Porém sua profissão é coordenador de pesquisas de opinião pública e marketing e jornalista investigativo (RE 511.961/STF).
 
O JORNAL DA SERRA GERAL nessa edição, demonstra que é um jornal democrático, publicando na íntegra toda a entrevista, solicitando apenas que o entrevistado não usasse de palavras de cunho pejorativo ao se referir aos políticos como é de costume observarmos nas redes sociais, onde ataca, impiedosamente diversos políticos de Janaúba e região. Confira, na íntegra, a entrevista concedida à nossa reportagem com exclusividade no JORNAL IMPRESSO já nas bancas.
 
 
Obras do Hospital do Câncer começam em breve PDF Imprimir E-mail
Escrito por Fernando Lucas   
04 de abril de 2015
JANAÚBA (por Oliveira Júnior) – Depois da nota publicada na nossa edição da semana passada, dando conta do prazo para o início das obras, que estariam se esgotando, para edificação do Hospital do Câncer em Janaúba, o representante das Organizações Clarita, na cidade, Celso Andrade, procurou a reportagem do JORNAL DA SERRA GERAL e esclareceu que, a sua empresa se prontificou a ajudar na construção do referido hospital da Santa Casa, em Janaúba, e ainda não iniciou os trabalhos devido à demora na documentação do imóvel face ao impedimento por parte da prefeitura em emitir a Certidão Negativa de Débito (CND). Ainda, segundo os responsáveis pela empresa, a escritura já foi concluída esta semana e, sendo assim, a Santa Casa providenciará o projeto civil da obra o quanto antes.
 
Prefeito Yuji assume diretoria na AMM PDF Imprimir E-mail
Escrito por Fernando Lucas   
04 de abril de 2015
JANAÚBA -- O prefeito de Janaúba, Yuji Yamada, foi eleito para assumir a nova diretoria da AMM (Associação Mineira de Municípios). Ele compõe a Diretoria Norte daquela entidade para o biênio 2015/2017. O prefeito janaubense fez parte da chapa vitoriosa e comandada por Antônio Júlio, ex-deputado estadual e atual prefeito de Pará de Minas, eleito como novo presidente da AMM. A eleição foi realizada na última terça-feira, dia 31, na sede da entidade, em Belo Horizonte e contou com o voto de 390 prefeitos de todas as regiões de Minas Gerais. Ele obteve 54% dos votos válidos e venceu Gilmar Machado, prefeito de Uberlândia. Na contagem, o novo presidente obteve 207 votos, contra 180 para Machado e três cédulas foram anuladas.
 
Após seis anos sem disputas pelo cargo – já que as últimas eleições tiveram chapa única – este foi o pleito com maior participação do municipalismo mineiro. “Quando os municípios se organizam e buscam juntos as melhorias que a população necessita, o peso e os resultados alcançados são mais positivos”, acredita Yuji Yamada.
 
“Discutir política e conversar com os prefeitos será prioridade na nova gestão. A falta de atualização nos repasses do Fundo de Participação dos Municípios é um problema grave, mas temos diversos outros na mesma magnitude. A AMM  tem o papel de alavancar e promover diálogo, para assim ser a principal porta-voz das grandes causas e questões que abrangem o municipalismo”, afirmou Antônio Júlio. A posse da nova diretoria deverá acontecer no dia 8 de maio, no encerramento do 32º Congresso Mineiro de Municípios, no Expominas, em Belo Horizonte. 

 
Hospital regional de Janaúba recebe paciente da região de BH PDF Imprimir E-mail
Escrito por Fernando Lucas   
21 de março de 2015
JANAÚBA (Fernando Lucas) -- Um fato inusitado na saúde do município janaubense ocorreu esta semana. Segundo informações repassadas, com a costumeira exclusividade, ao JORNAL DA SERRA GERAL, uma paciente em tratamento oncológico, proveniente da cidade de Conselheiro Lafaiete, região metropolitana de Belo Horizonte, foi transferida para cá. A mesma veio de transporte aéreo (helicóptero), regulada pelo Estado, Susfácil, para um procedimento cirúrgico.
 
Até o fechamento desta edição na noite de quinta-feira, dia 18, data de entrada da referida paciente no Hospital Regional, a mesma ainda não havia sido operada, estando passando pelos procedimentos pré-operatórios. Tão logo a cirurgia seja realizada, a paciente ficará internada na UTI.
De acordo com Leonardo Santos Fleury, diretor-administrativo da Fundação Hospitalar de Janaúba, mantenedora do Hospital Regional, este fato pegou todos de surpresa, mas também deixou claro que a rede hospitalar de Janaúba se encontra apta a atender a demanda. Ele acredita que a falta de vagas na região de BH e outras localidades levou o Susfácil a trazer a paciente, de 65 anos de idade, para Janaúba.
 
Reitor visita áreas para instalação do câmpus avançado de Janaúba PDF Imprimir E-mail
Escrito por Fernando Lucas   
21 de março de 2015
JANAÚBA -- O reitor do Ifnmg, José Ricardo Martins da Silva, acompanhado de equipe de gestores do Instituto visitou na última sexta-feira, dia 13 duas possíveis áreas para implementação do Câmpus Avançado Janaúba, no entorno da região urbana do município. O objetivo é recepcionar por meio de doação municipal a melhor área de 60 hectares, com distância de até seis quilômetros do trevo urbano da cidade, com plenas condições para as atividades de ensino, pesquisa e extensão do Instituto.
 
Na empreita de análise de campo, o reitor e equipe consideram tanto a possibilidade de vocação da educação tecnológica industrial quanto rural na futura unidade. “Um local seguro, com acesso por transporte público, à água, com solo de qualidade e de atendimento aos arranjos produtivos locais são fatores considerados para a escolha da área apontada pelos poderes públicos locais”, explica José Ricardo.
 
Na saída Sul de Janaúba, área próxima à rodovia BR-122, no sentido para a represa Bico da Pedra, a equipe visitou área próxima às instalações do Câmpus da Universidade Federal dos Vales do Jequitinhonha e Mucuri (UFVJM). Outro terreno visitado pelo grupo está localizada na saída Norte da cidade, próxima à rodovia MG-401, onde o terreno aparenta ter menos acidentes geográficos como morros. Outras opções devem ser visitadas em breve.
 
Além do diretor do Câmpus Avançado Janaúba, compuseram a equipe das visitas os diretores-gerais dos Câmpus Montes Claros, Diamantina e Pirapora; os pró-reitores Ana Neta, de Ensino; Rogério Murta, de Pesquisa, Pós-graduação e Inovação, e o diretor de Ensino do Instituto, Ricardo Cardozo.
 
O diretor do Ifnmg do Câmpus Avançado Janaúba, Fernando Barreto, se reuniu no último sábado, dia 14, em Janaúba, com o presidente da Comissão de Educação da Câmara dos Deputados, o deputado federal Saraiva Felipe. O parlamentar se comprometeu em apoiar no Congresso Nacional e no Ministério da Educação (MEC) a alteração do estado administrativo atual da unidade do Instituto, de Câmpus Avançado para Câmpus Janaúba, permitindo assim a oferta de ensino superior, além do ensino técnico e de pós-graduação. O deputado conversou ainda, por telefone, com o reitor do Ifnmg, José Ricardo Martins da Silva, reafirmando o compromisso e se colocando à disposição do Instituto.
 
Participaram dessa reunião o superintendente da Companhia de Desenvolvimento dos Vales do São Francisco e do Parnaíba (Codevasf), Dimas Rodrigues, o vice-prefeito de Janaúba, Rodrigo Rodrigues e a secretária municipal de Educação, Esporte e Cultura, Maria Marta Dias Guimarães.
 
Na oportunidade, Fernando Barreto visitou ainda o prefeito de Janaúba, Yuji Yamada, que empreende esforços para a doação de terreno municipal de área de 60 hectares para ampliação do Câmpus Avançado Janaúba. Esta unidade seria complementar à sede do câmpus, que está sendo construída no centro da cidade.
 
Ex-presidentes da Câmara de Janaúba na mira do MP PDF Imprimir E-mail
Escrito por Administrator   
21 de março de 2015
JANAÚBA (por Oliveira Júnior) – Publicada nesta terça-feira, dia 17 de março, pelo Tribunal de Justiça do Estado de Minas Gerais (TJMG), a decisão da Justiça local em que concede liminar solicitada pelo Ministério Público pelo bloqueio/indisponibilidade de bens e valores de seis ex-presidentes da Câmara Municipal de Janaúba baseada em ação pública por ato de improbidade administrativa requerida pelo Ministério Público.
 
A liminar foi deferida pela Juíza de Direito, Solange Procópio Xavier, da Comarca de Janaúba, na quinta-feira, dia 12 de março, e somente na terça-feira, dia 17, publicada pelo TJMG. O bloqueio e/ou indisponibilidade de bens e valores refere-se a denúncia em razão de recebimento de diárias de viagem, sem a devida justificativa ou comprovação documental de sua relação com o exercício da atividade Legislativa.
 
Nos autos constam os nomes dos seguintes ex-presidentes da Câmara janaubense: Jaime Lacerda de Oliveira (2005), Valério Dias de Oliveira (2006), Jésus Magno Rodrigues da Silveira (2007), José Tarcísio Mendes (2008), Nilson Silva Filho (2009) e Leobino Antunes de Bem (2010). Léo de Bem e Tarcísio Mendes são atuais vereadores. O JORNAL DA SERRA GERAL ouviu, na semana passada, maior parte dos citados os quais informaram que não haviam sido comunicados pela Justiça e que, ao tomarem conhecimento oficialmente dos fatos, irão se defender.
 
O caso veio à tona ainda na Legislatura passada, aproximadamente quatro anos atrás, quando Celso Lopes Andrade ofereceu a denúncia ao Ministério Público que, na sequência, solicitou à Câmara Municipal documentação relativa à denúncia. Passado o período de mais de três anos de averiguação, o MP remeteu o fato à Justiça local que, neste mês, deu prosseguimento. No processo consta que deva haver a devolução de R$ 248.556,44, no total.
 
Na liminar concedida pela Justiça é determinado o bloqueio de bens e/ou valores dos citados da seguinte forma: Jaime Lacerda, R$ 53.760,60; Valério Dias, R$ 89.942,64; Jésus Magno, R$ 84.215,80; José Tarcísio, R$ 11.882,24; Nilson Silva, R$ 1.526,48 e Leobino de Bem, R$ 7.228,68. Pela decisão judicial, os citados têm o prazo de 15 dias para se manifestarem por escrito.
 
Diretor Clínico da Fundajan nega falta de atendimento médico PDF Imprimir E-mail
Escrito por Fernando Lucas   
01 de março de 2015

JANAÚBA (Fernando Lucas) -- Em conversa, esta semana, com o diretor clínico da Fundajan, o médico Obestetra José Francisco Moraes, o mesmo disse à reportagem do JORNAL DA SERRA GERAL que a paciente, Maria do Carmo, falecida na última semana ao dar a luz no hospital, teve toda assistência médica e durante o período em que esteve internada no hospital em nenhum momento foi negligenciado atendimento. “Temos todos os laudos mostrando que em nenhum momento ela ficou sem médico. Porém, ela veio a falecer com uma parada cardiorespiratória e a causa morte ainda não foi determinada, portanto nem demos o atestado de óbito”, disse. Ele conta que foi pedido a necrópsia do corpo para determinar a causa, até para resguardar a Fundajan “e nós médicos e se evitar que falem que está morrendo pessoas aqui por negligência médica, por falta de médico. As anotações médicas dela, o prontuário, inclusive, já foram passadas para o Ministério Público. Vamos, então, aguardar o laudo médico e a conclusão das investigações, mas atesto que não procedem as notícias de que ela teria morrido por falta de atendimento médico. Isso não procede”, fala o médico José Francisco.

Ele encerrou a entrevista afirmando estar no Hospital Fundajan há pelo menos 14 anos e disse nunca ter visto caso igual ter ocorrido ali. “Ou seja, fala-se muito desse caso, mas isso não é uma regra na Fundajan e sim uma excessão. Uma lamentável excessão”, concluiu.

 
<< Início < Anterior | 1 2 3 4 5 6 7 8 9 10 | Seguinte > Final >>

Resultados 1 - 14 de 660