SOMANDO NÚMEROS – GAUSS PDF Imprimir E-mail
Escrito por Administrator   
26 de abril de 2015

Digamos que você está estudando os primeiros anos do ensino fundamental e a professora aplique um trabalho de matemática dizendo o seguinte: “some todos os números de 1 a 100 e dê a resposta no menor tempo possível”. O que você faria? Acho que muita gente iria começar a somar 1 +2 + 3 + ... + 99 + 100, não é verdade? Acredito que esse processo levaria um bom tempo.

Não foi isso que Gauss fez. Em menos de cinco minutos ele apresentou a resposta ao seu estupefato professor quando este propôs esse problema na sua sala. Gauss, então com nove anos de idade, tinha um professor de aritmética que costumava ordenar a seus alunos que fizessem cansativos exercícios envolvendo somas, subtrações, divisões e multiplicações para que eles ficassem ocupados por algum tempo para que pudesse descansar um pouco. Quando ele propôs esse problema da soma dos números de 1 a 100 e saiu da sala para descansar, Gauss, em cinco minutos, o chamou e apresentou a solução.

Ao contrário dos colegas, que mergulharam mecanicamente no trabalho, Gauss resolveu meditar um pouco sobre a questão e descobriu que essa enorme soma apresentava 50 pares (1 e 100, 2 e 99, 3 e 98, ... , 50 e 51) todos com a mesma soma: 101. Portanto, concluiu Gauss, o resultado era 50 vezes 101, perfazendo o total de 5050.

Mas, antes desse episódio, Gauss já havia espantado os adultos, quando, aos três anos de idade, ele mostrou ao pai um erro que este havia cometido com relação a uma quantia mal calculada que ele deveria pagar a alguns funcionários seus.  

Carl Friedrich Gauss foi um gênio supremo, de talento inexplicável e de raciocínio lógico no seu estado mais puro. Ele só é comparável na história mundial das ciências – matemática, particularmente – a Isaac Newton e Arquimedes. Em precocidade, esse alemãozinho, nascido em Brunswick em 1.777, se ombreia com Wolfgang Amadeus Mozart, o gênio mirim da música clássica.   
Aos 15 anos, Gauss dominava totalmente os segredos das séries infinitas e produziu a primeira prova rigorosa do teorema geral do Binômio de Newton. Uma questão que estava consolidada há mais de dois mil anos, na época de Gauss, era o postulado das paralelas formulado por Euclides no seu grande tratado de geometria. Gauss, com os mesmos quinze anos, conjecturou outras formas de geometria que não fosse a euclidiana. Hoje, sabemos que a Geometria não euclidiana está presente no nosso dia a dia.

Além de deixar um legado extraordinário na matemática, através de trabalhos fabulosos na Teoria dos Números, Gauss deixou um diário que só foi descoberto 43 anos depois da sua morte por um dos seus netos. Esse diário espantou a comunidade científica pelas ideias que todos acreditavam ser da era moderna.

Fica a pergunta se um gênio desses não é de uma espécie diferente, superior.

 
Próximo >