Câmara Municipal de Jaíba traz Justiça para a cidade PDF Imprimir E-mail
Escrito por Fernando Lucas   
01 de fevereiro de 2016
JAÍBA -- O presidente do Legislativo da cidade de Jaíba Farrique Xavier, e o secretário da Mesa Diretora Fernandim,  juntamente com os demais vereadores deste município, estarrecidos com uma grave crise política vivida nos últimos quatro anos, resolveu inovar e investir na implantação de uma Justiça mais efetiva em prol da população local.
 
Graves problemas políticos assolam o município com sérias consequências para seus moradores, com várias prisões de prefeito, ex-prefeito e de muitos agentes políticos, bem como afastamento de servidores pela Justiça, cassação de mandatos e outros tormentos.
 
Neste mês de janeiro, em sessão solene, nas dependências da Câmara Municipal de Jaíba, com a presença do prefeito interino Valdemir Soares, vereadores, e expressiva participação da sociedade, e representantes de vários segmentos da comunidade, foi assinado um termo de entrega, onde a Câmara repassou naquele instante o valor de R$ 275.000,00 (duzentos e setenta e cinco mil reais) que serão destinados, em sua totalidade, para iniciar a construção do Fórum, cuja planta foi oferecida pelo Tribunal de Justiça.
 
O recurso repassado é originado da economia feita pelos vereadores durante o ano de 2015 e foi devolvido à prefeitura com a finalidade específica da construção do Fórum.
 
Inconformados com a carência da Justiça no município, a classe política de Jaíba, envolvendo vereadores, prefeito, e demais lideranças, bateram à porta do presidente do Tribunal de Justiça na capital mineira solicitando gestão no sentido da instalação da Comarca, com a construção do Fórum e uma cadeia pública, sendo que o município já dispõe de área urbana destinada à construção.
 
O representante do Tribunal de Justiça alegou falta de recursos em seu orçamento e aconselhou os políticos desta cidade a angariar fundos para tal destino com o aval do Tribunal. Para o início das edificações já foi conseguido R$ 500 mil reais através de emenda parlamentar e mais outros recursos já em caixa, provenientes de doações da sociedade organizada. Já foi criada, inclusive, uma Comissão Pró-Comarca, formada por cidadãos e cidadãs deste município.
 
Além deste valor já repassado pela Câmara de Vereadores de Jaíba, ficou acertado que outros valores ao longo deste ano de 2016 também serão repassados, chegando ao valor de R$ 500 mil reais.
 
A demanda por Justiça em Jaíba é muito grande, onde a sua Comarca funciona a mais de 70 quilômetros de distância com asfaltamento precário e tendo que atravessar o rio São Francisco em trecho que não possui ponte. Por outro lado, o município apesar de contar com uma população de 37 mil habitantes, conforme dados do IBGE, conta ainda com enorme população flutuante em decorrência do mega Projeto de Irrigação, fazendo com que chegue a uma população de mais de 50 mil habitantes.
 
Em 2014 foram registrados 10 homicídios no município, em 2015 foram contabilizados 32, e em 2016 já conta com quatro. A agência dos Correios encontra-se fechada sem prazo para reabrir por não suportar a grande quantidade de assaltos. Os postos de combustíveis já fizeram inúmeros protestos, inclusive com fechamento temporário.

 
< Anterior   Próximo >