O MELHOR JORNAL DA REGIÃO!

ASSINE (38) 3821-3247 E 9113-0163

O MELHOR JORNAL DA REGIÃO! O MELHOR JORNAL DA REGIÃO!

O MELHOR PARA SEU FILHO (A)

(38) 3821-1089 - Janaúba

O MELHOR PARA SEU FILHO (A) O MELHOR PARA SEU FILHO (A)
Loteamento
joaquimbispo.jpg
Atendendo chamamento de seus pares prefeitos, Juracy Jácome é candidato à reeleição no UniãoGeral
27 de novembro de 2018
JANAÚBA -- Ao finalizar seu mandato de dois anos à frente dos Consórcios União Geral e União da Serra Geral, como presidente, o prefeito de Nova Porteirinha, Juracy Fagundes Jácome faz um balanço prá lá de positivo, uma vez que conseguiu implementar, ali, seu modo de administrar, com austeridade, simplicidade e objetividade, tendo colocado em prática praticamente todos os projetos que havia se proposto a desenvolver. Foram várias as ações desencadeadas nesta administração, que teve início complicado devido aos inúmeros problemas, administrativos e financeiros encontrado.

 
Juracy Jácome não se abateu, “arregaçou as mangas” e implementou, com seu dinamismo uma administração pró-ativa, ouvindo os prefeitos filiados, colocando na mesa suas propostas e viabilizando alguns projetos que, atualmente são de alta relevância nos municípios, como as Feiras Livres, que já são realidades em quase todos os municípios da região da Serra Geral. Com este projeto, as prefeituras receberam os kits, contendo barracas, balança de precisão, caixas para armazenar produtos, entre outros que disponibilizou para os produtores exporem e comercializarem seus produtos, dando mais visibilidade à agricultura familiar, fomentando a economia regional.

 
Diversas reuniões, envolvendo prefeitos, secretários e assessores serviram para elaboração de vários projetos, como da Inspeção sanitária, que já está entrando em funcionamento e servirá para agilizar os procedimentos legais, barateando os custos para as administrações, concentrando todo o trabalho na sede do Consórcio em Janaúba. Um veículo zero quilômetro, inclusive, foi adquirido, com recursos próprios para os atendimentos in loco dos professionais contratados pelo Consórcio. Trata-se da implantação da Coordenadoria Regional de Meio Ambiente e Parceria com o Programa de Gestão Ambiental/MPMG.

 
Talvez a maior “obra” realizada pela gestão do presidente Juracy Jácome tenha sido o saneamento das finanças dos dois consórcios. Muitas dívidas, entre fornecedores e trabalhistas travavam as ações. Porém, com austeridade e zelo com o dinheiro público, o presidente conseguiu, não só sanar estes entraves, como colocou o Consórcio com as contas em dia, apto a realizar e desenvolver ações em prol de todos os municípios da região. Um exemplo foi a unificação dos dois consórcios em um só endereço, visando enxugar os gastos e otimizar a administração.

 
O bom diálogo com todos os prefeitos da região, o livre tráfego nas esferas estadual e federal, são outros fatores que pesam a favor da continuidade de Juracy Jácome à frente dos dois Consórcios, pois o planejamento é intenso e muitos projetos estão por vir e serem colocados em prática.
 
Oscar Gorutubano -- Melhores do Ano Puro Som
12 de novembro de 2018

Clique na Imagem para aumentar 

 
ISAILDON MENDES, PREFEITO DE JANAÚBA, DIZ QUE JORNALISTAS TENTARAM O EXTORQUIR
17 de setembro de 2018
  • Se explique Sr. Prefeito. Cite nomes. Denuncie ao MP, 
  • mas não macule os profissionais sérios da imprensa
 
 
 
JANAÚBA (por Fernando Lucas) – O prefeito janaubense Carlos Isaildon Mendes (PSDB), mais uma vez atacou a imprensa local, tendo falado em alto e bom som que é vítima de extorsão por parte de alguns jornalistas e repórteres da cidade. Isso mesmo: Ele usou o termo EXTORSÃO.

 
Outro dia mesmo ele também afirmara em uma rádio que alguns jornalistas não teriam seus interesses atendidos pela prefeitura e o estariam atacando. Porém, nos dois casos não citou nomes.

 
O JORNAL DA SERRA GERAL, através de sua diretoria vem a público pedir ao prefeito que se explique. Sua fala teria sido uma afirmação ou insinuação? Falta ser elucidado. Lamentavelmente, ele não dá nome aos “bois” e joga na lama toda uma classe, compromissada e respeitada.

 
Tal afirmação foi feita durante uma reunião do prefeito janaubense com dois candidatos a deputados que ele apoia junto a população na noite desta quarta-feira, dia 12. Ele disse o seguinte, de acordo com a gravação de vídeo que o JORNAL DA SERRA GERAL tem em seu poder para comprovação: “Poucas pessoas de maneira maldosa, meia dúzia de gatos pingados nas redes sociais, alguns jornalistas e repórteres que estiveram na minha casa tentando me extorquir...Fui injustiçado por críticas infundadas”, disse o prefeito, tentando justificar as constantes críticas que recebe seja via imprensa, seja via redes sociais, e que não são gatos pingados, mas uma grande parcela da comunidade que não vê sua administração sair, literalmente do lugar, sem contudo citar nomes de quem seria ou seriam os referidos jornalistas e repórteres que teriam ido à sua casa.

 
O conteúdo desta afirmação fica nebuloso e instiga a curiosidade de qualquer um, se formos interpretá-la com maior afinco. Se o prefeito realmente foi vítima desta tentativa teria que ter ido ao Ministério Público, denunciado e exposto, uma vez que extorsão no código penal é crime. Por outro lado, denegrir a imagem de uma classe, como ele fez, também o é.

 
Afinal de contas, o que é extorsão? Segundo o que está no dicionário, é o “ato de obrigar alguém a fazer ou deixar de fazer alguma coisa, por meio de ameaça ou violência, com a intenção de obter vantagem, recompensa, lucro”.

 
Importante pro seu governo, para a população janaubense e para a própria imprensa sadia, da qual o JORNAL DA SERRA GERAL se orgulha em fazer parte, que ele aponte esses supostos achacadores. Seu silêncio, daqui para frente, provocará ilações que farão muito mal aos jornalistas e repórteres sérios e do bem que atuam na cidade.

 
Porém, ao que parece o prefeito estaria mesmo querendo, mais uma vez, posar de vítima, culpando a imprensa, como já o fizera recentemente, num momento delicado desta sua má gestão.

 
Se não aponta os supostos culpados, deixa a todos com a pecha de culpados. E isto nós do JORNAL DA SERRA GERAL, não vamos aceitar, nem admitir de forma alguma.

 
O prefeito Isaildon, se é vítima desse crime tipificado no Código Penal Brasileiro e não o denuncia, pode estar cometendo prevaricação.  E, prevaricar, também é crime: Prevaricar consiste em retardar, deixar de praticar ou praticar indevidamente ato de ofício, ou praticá-lo contra disposição expressa de lei, para satisfazer interesse ou sentimento pessoal.
 
<< Início < Anterior | 1 2 3 4 5 6 7 8 9 10 | Seguinte > Final >>